Antígona e a violência do significante

Autores

  • Allysson Anhaia PUCPR
  • Eduardo Ribeiro da Fonseca PUC-PR

Resumo

O objetivo deste artigo é destacar o caráter violento da ordem do significante da teoria lacaniana de modo que essa violência serve de fundamento para todas as outras que se desdobram no meio social. Dessa maneira, utilizamos a definição de violência apresentada por Slavoj Žižek para que se possa diferenciar a violência enquanto subjetiva, objetiva e do significante. Após isso, nos detemos em abordar a constituição do campo simbólico a partir da fantasia, para explicitar o caráter violento do significante que separa o sujeito da efetividade, permitindo a apreensão do mundo e a vida em sociedade, mas que impossibilita o combate a violência do significante. Por fim, apresentamos o ato de Antígona como uma possibilidade de combate à violência do significante.

Publicado

2020-12-31