v. 8


Winnicott e-Prints, série 2, vol. 8, n.1, 2013

 

E o pai?

Importante por si só, o aprofundamento do tema do pai em Winnicott preenche uma lacuna e busca corrigir um equívoco existente nos estudos da obra do autor. Ainda que altamente relevante, a questão recebeu até o presente momento pouca atenção das pesquisas dedicadas à obra winnicottiana. A literatura secundária sobre Winnicott deu especial ênfase à relação mãe-bebê, justificável pela importância que o próprio autor dá ao assunto em suas formulações teóricas. Embora exista essa ênfase na provisão materna, Winnicott não deixou de tratar da questão do pai e da enorme importância e valor que sua presença, ações e falhas exercem durante toda a vida da criança, desde o momento da concepção, passando pelas fases iniciais quando o pai, em conjunto com a mãe, forma o ambiente total no qual o bebê habita e acompanhando todas as fases posteriores (concernimento, vida familiar, relações triangulares com base genital, adolescência etc.) do amadurecimento humano. O leitor encontrará aqui o tema do pai em diversas perspectivas.

 

Sumário

Artigos

O pai em Winnicott / The father in Winnicott PDF
Claudia Dias Claudia
/ Contribuições da teoria do amadurecimento para o estudo das famílias homoparentais Contributions of the maturation theory to the study of homoparental families PDF
Conceição Aparecida Serralha
Pai, identificação parental e homossexualidade masculina Father, parental identification and male homosexuality PDF
Elsa Oliveira Dias
O pai e o monoteísmo em Winnicott / Winnicott on monotheism and the father PDF
Zeljko Loparic